top of page

Copa do Mundo 2022: 5 cuidados para ter com a saúde




Segundo o Estudo Longitudinal de Saúde (Elsa-Brasil), o aparecimento de distúrbios psiquiátricos como ansiedade e depressão estão associados ao risco de doenças cardiovasculares, como infarto e acidente vascular cerebral (AVC). A coleta e avaliação desses dados foi feita ao longo de 10 anos (2008 -2018) e contou com a participação de 15 mil pessoas.

Com a chegada da Copa do Mundo, os nervos estão à flor da pele, então precisamos ficar atentos aos cuidados necessários. Uma partida de futebol paralisada por cerca de uma hora devido a um infarto sofrido por um torcedor. Esse fato aconteceu em setembro deste ano, durante uma emocionante partida entre Cádiz e Barcelona, no Campeonato Espanhol. No momento do incidente, o placar marcava 2 a 0 para o Barcelona, quando o árbitro Carlos del Cerro Grande foi informado e enviou atendimento médico para a arquibancada.

Assim, pensando em mais uma competição emocionante, especialistas da Doctoralia e Medictalks listaram 5 dicas para evitar preocupações no meio das partidas. Confira:

Cuidado com a alimentação

De acordo com a Dra. Rosamar Rezende, parceira da Medictalks e Especialista em Hepatologia, Gastroenterologia, possuindo experiência em Elastografia Hepática, as pessoas precisam prestar atenção caso se alimentem durante as partidas e até mesmo antes ou depois destas, já que podem ficar ansiosas e naquele momento, terem compulsão alimentar. “O nervosismo e a agitação nestas situações são naturais, mas é preciso buscar outras formas de se acalmar que não estejam relacionadas com a alimentação. Comer em excesso traz predisposição à obesidade e gordura no fígado”, explica.

Atenção à ansiedade e ao nervosismo

Segundo Denise Ayres d’Avila, Psicóloga e membro da Doctoralia, alguns cuidados podem ser favoráveis nessa época do ano. “Não supervalorize os resultados, pense nos jogos como uma oportunidade de confraternizar entre amigos. Se perceber efeitos físicos de ansiedade como sudorese excessiva, respiração curta e coração acelerado, são sinais de alerta. Dê uma volta, procure respirar lentamente, concentre-se na sua respiração. E não se esqueça, o jogo acaba e sua vida continua”, afirma.

Cuidado com a voz

Segundo Arthur Conegundes, especialista em voz, oratória e membroda Doctoralia, gritar em meio aos jogos da Copa do Mundo é inevitável, portanto, alguns cuidados devem ser tomados, principalmente com aqueles que trabalham com a voz, como por exemplo: cantores, professores, palestrantes, entre outros. “Quando gritamos, corremos o risco de gerar lesões, portanto é importante estarmos protegidos para isso. O consumo de água ao longo do dia é um ponto indispensável para hidratar a prega vocal, além disso, após um longo dia de euforia, o descanso é necessário para recuperar a possível roquidão”, afirma.

Não consuma álcool em excesso

Segundo Rezende, Médica parceira da Medictalks, o consumo de bebida alcoólica em excesso pode trazer vários danos à saúde e sintomas que podem atrapalhar o resto do dia das pessoas, e por isso, estas devem se policiar para não passarem do limite.

“Quando ingeridas em excesso, estas bebidas podem trazer euforia, batimentos cardíacos acelerados, náuseas, vômitos, hipoglicemia, falta de coordenação motora e sonolência. Além disso, no caso de consumo contínuo em excesso, este pode levar à gastrite, esofagite, sangramento digestivo, problemas hepáticos, pancreatite, neuropatia periférica, anemia, disfunção imunológica, osteoporose, além de ser um fator de risco para vários tipos de câncer como de boca, esôfago, fígado, estômago, entre outros. Assim, mesmo em momentos de celebração, é preciso beber com moderação e lembrar que se hidratar é fundamental, isso antes, durante e depois do consumo do álcool. Também é importante evitar ingerir bebidas alcoólicas sem se alimentar”, informa.


Cuidado com a exposição ao sol

Para Gislaine Sales, dermatologista e membro da Doctoralia, o clima desértico adicionado com esportes praticados em áreas externas podem trazer prejuízo à pele dos jogadores e torcedores. Portanto, é muito importante redobrar o uso de protetor solar, hidratantes orais e tópicos, além de cuidados extras como uso de roupas com fator de proteção e óculos escuros. “A exposição prolongada, que começa desde as filas, pode causar desidratação pelas altas temperaturas, surgimento de manchas na pele, envelhecimento e até risco de aparecimento de alguns tipos de câncer de pele”, completa Gislaine. Segundo a especialista, o ideal é aplicar protetor solar 30 minutos antes de sair para o evento e se hidratar com frequência.

14 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page